agosto

Eu queria te contar tantas coisas. O medo que sinto toda vez que reclino a cabeça no seu peito e sei que o seu coração perde o compasso por outra pessoa. A dor que me consome toda vez que imagino você solto por aí procurando a felicidade entre tantas mulheres quando o que mais queria era poder ser pra você o que você é pra mim, mais nada. Mais ninguém envolvido. Queria tanto te dizer que vai passar, que ainda há tempo, que meu sonho era nunca mais sair do teu abraço, abrir mão do teu beijo, deixar passar os momentos tão raros em que você se encaixa perfeitamente dentro de mim e olhar a sua carinha é a sensação mais maravilhosa de toda uma vida.
Eu não me caibo quando estou com você. O que sinto transborda e me faz menor de novo. As palavras não saem e fica complicado deixar claro que assim que você sair dali vai ser como se a felicidade não existisse de novo. Morro um pouco cada vez que você diz que me ama. Vivo tudo pra dizer que te amo. Na sua presença, emudeço e perco a linha, e as coisas perdem o sentido, e até que você vá pra longe eu só consigo sentir e sentir e sentir como se tudo tivesse sido criado pra que nós estivéssemos juntos de novo. Por quanto tempo fosse possível. Por todo o tempo do mundo.
Só que queria te contar tantas coisas…

uma drama queen e tanto. cabeça de escritora, diploma de jornalista, vida de publicitária. trabalha fazendo Indiretas do bem e espalhando amor por aí. não escreve: transborda. por uma questão de sobrevivência.

One thought on “agosto

  • Reply Karla 11 de agosto de 2015 at 12:17 pm

    Olá Ariane!!! Eu tenho seu Livro do sossego para colorir e adorooo!!! Acho super fofoo!!! Sabe queria te pedir algo… se possível será q vc faria um livro para colorir só com bonecas!!??? Acho o máximo pintar essas meninas!!! São um charme!!! Pensa com carinho rsrs…. Obrigadaaa e PARABÉNS pelo livro!!! Abraços!!! Karla.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *