#notwitterday

Diferente do que muitos pensam… Eu sobrevivi ao #notwitterday. Estou sobrevivendo, ainda, porque faltam quase três horas pro dia acabar. Óbvio ululante que eu sentiria falta VÁRIAS VEZES durante o dia. Senti. Aliás, nesse meio tempo, recebi links de gente falando mal de mim, de gente fazendo piada, e no fim, eu aguentei sem responder nada. (Mentira: teve um bonito com quem eu fiz questão de entrar em contato pelo orkut mesmo, porque tem alguns desaforos que não dá pra ouvir e deixar passar, mas enfim…). Críticas eu sempre aceitei. Só não dá pra ignorar falta de respeito. 😉

Eu não twittei por um dia.
Não me ajudou em nada: atrapalhou, se querem saber.
E eu sei que eu uso uma PUTA ferramenta da forma errada, mas não vou deixar de usar não, numa boa.

Desculpas aos que me seguem, já tentei mudar. A solução, infelizmente, é o unfollow. Ou a paciência. Tenho me esforçado pra conter os surtos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *