Um exemplo de aluna

Calma. Não tive essa mudança brusca ainda. Não, eu não sou aluna-modelo de matéria nenhuma – mas é que nas aulas de Teoria da Comunicação (TODAS ELAS) parece que sempre há um exemplo (ruim, que fique bem claro) em que se mostre minha figura.

Ou eu sou muito narcisista, ou o Sérgio Amadeu realmente me odeia. Deixem-me explicar: Toda vez que ele faz a afirmação “Tem uma aluna daqui que eu não vou citar o nome” seguida de “que escreveu isso, isso e aquilo no twitter“, é batata! Não só eu como todos os outros da sala temos em 1º lugar numa hierarquia de quase 50 (sim, 50, já que, embora só eu e Tory tivéssemos twitter antes, quase a sala toda fez depois que ele pediu, no primeiro bimestre) o meu nome piscando na cabeça: é, eu sou a pessoa que mais twitta na Cásper Líbero, pelo menos entre as que ele conhece. Tipo “Oi? Loser! Quem mandou liberar os updates para ele?”.

Ok, sou extra-oficialmente o mau-exemplo da faculdade.

Dica: Ele é meu ídolo, e, no máximo, me despreza. (No máximo porque existe a grande possibilidade de ele simplesmente nem saber da minha existência, a não ser por meio das merdas que falo no twitter – ou dos dias em que o abordo loucamente pra tirar fotos). Nem ligo. Ainda quero ser assim quando crescer. E existe a chance da aluna mala de quem ele sempre fala nem ser eu…(ok, vou me enganar e fingir que acredito nisso. haha)

Agora é hora de estudar mais um pouco, tenho exame no Detran amanhã cedo, ficadica.

Beijão!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *